Prémio de Inovação Tecnológica Engenheiro Jaime Filipe

Atualizado: Seg, 26 Dez 2022 14:45:23 +0000

O Prémio de Inovação Tecnológica Engenheiro Jaime Filipe distingue o trabalho que mais contribua para a melhoria da qualidade de vida das Pessoas com Deficiência, de acordo com os objetivos do prémio:

  • Estimular o desenvolvimento e a investigação na área da deficiência, designadamente, ao nível da inovação tecnológica.
  • Premiar e dar notoriedade pública às invenções, projetos ou produtos tecnológicos inovadores que contribuem para a melhoria da qualidade de vida das Pessoas com deficiência, com vista a:
    • Promover o desenvolvimento de projetos de investigação inovadores e promotores de autonomia e independência das pessoascom deficiência que incluam medidas, propostas e soluções quefacilitem a realização dos atos da sua vida diária pessoal e social;
    • Estimular a invenção e desenvolvimento de produtos, equipamentos, instrumentos, utensílios, tecnologias e metodologias que facilitem, otimizem e prolonguem as capacidades físicas, cognitivas e sociais das pessoas com deficiência e sejam garante de uma maior qualidade de vida;
    • Estimular a criatividade nas áreas tecnológica e de design, podendo ser consideradas neste âmbito, as tecnologias de informação e comunicação, as metodologias de inovação e empreendedorismo social, distribuição de serviços, design universal, acessibilidades e outras que contribuam efetivamente para a promoção da funcionalidade e da participação social das pessoas com deficiência;
    • Sensibilizar a sociedade e os sectores nacionais do design, da indústria e da economia, em particular para a deficiência e incapacidade, para a necessidade de invenção, produção e comercialização de produtos, equipamento ou adaptações que assegurem a funcionalidade, a inclusão e a participação das pessoas com deficiência.

O 1.º Prémio, no valor de 10.000 euros, é atribuído pelo INR, em parceria com o Grupo Os Mosqueteiros. Os vencedores deste Prémio, bem como as Menções Honrosas, recebem também uma peça de arte oferecida pelo CEARTE- Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património.

As candidaturas à Edição de 2022 do Prémio de Inovação Tecnológica Eng.º Jaime Filipe decorreram até dia 18 de outubro de 2022.

As candidaturas a este Prémio podem ser efetuadas através deste formulário.

Premiados 2022

1º Prémio

Cooperativa de Formação e Animação Cultural COFAC com o projeto “educaçãoAcessível.pt”.

O projeto “educacaoacessivel.ulusofona.pt”, que pode ser consultado aqui, é o resultado de uma parceria entre a Casa Pia de Lisboa, I.P. – CED Jacob Rodrigues Pereira e a Licenciatura em Videojogos da Escola de Comunicação, Arquitectura, Artes e Tecnologias da Informação (ECATI), da Universidade Lusófona.

O vencedor irá receber Certificado de Vencedor da Edição 2022 e 10.000 euros, sendo € 5.000 atribuídos pelo INR, I.P. e, € 5.000 pelo Grupo Mosqueteiros, entidade parceira que apoia este Prémio.

Receberá também um troféu de arte, atribuída pelo CEARTE, Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património.

Menção Honrosa

Helena Gonçalves, com o projeto “+sense: Wearable sensory biofeedback devices for motor impairments in Parkinson’s disease”.

A vencedora da menção honrosa irá receber Certificado de Menção Honrosa da Edição 2022, e um troféu de arte, atribuída pelo CEARTE, Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património.

Menção Honrosa

A Associação Fraunhofer Portugal Research, com o Projeto “O Campainhas”.

O vencedor da menção honrosa irá receber Certificado de Menção Honrosa da Edição 2022, e um troféu de arte, atribuída pelo CEARTE, Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património.

Documentos disponíveis para descarregar